Caxias do Sul Rio Grande do Sul Brasil

O Escotismo

O QUE É O ESCOTISMO?

O Escotismo é uma Organização, não governamental, civil, de fins filantrópicos de interesse e utilidade pública atuando na formação de jovens como instituição de educação extra escolar, presente no Brasil a mais de 75 anos.

O Escotismo é um Movimento Educacional para jovens com a colaboração de adultos, voluntário e sem vínculos politico-partidários, que valoriza a participação de pessoas de todas as origens sociais, raças e crenças, de acordo com o Propósito, os Princípios e o Método Escoteiro.

É um movimento de jovens e para jovens unidos por um compromisso livre e voluntário.

É um movimento de educação não formal, que se preocupa com o desenvolvimento integral dos jovens, complementando o esforço da família, da escola e de outras instituições.

Trabalha para o desenvolvimento do ser humano como um todo e de todos os seres humanos. O ser humano, homem e mulher, na plenitude de sua existência e na riqueza de suas semelhanças e diferenças. O ser humano em sua identidade singular e em sua cultura, sem distinção de origens sociais, raças e credos.

Educa para a liberdade e procura desenvolver a capacidade de pensar criativamente, mais do que a aquisição de conhecimentos ou habilidades específicas. Fortalece nos jovens a vontade de optar por uma escala de valores que dê sustentação a suas vidas e os convida a agir de forma coerente com essa opção.


DE ONDE SURGIU ESTE MOVIMENTO DE JOVENS?

O Escotismo tem uma história interessante. Em 1907, na Inglaterra, o então Coronel Robert Stephenson Smyth Baden-Powell (carinhosamente conhecido como B.-P., pronunciado "bipi") formou um grupo de 20 rapazes de várias origens, entre as idades de 11 a 16 anos, e levou-os para um acampamento de uma semana na Ilha de Brownsea, no Canal da Mancha.

Ele queria testar as suas idéias para um livro de instrução sobre as atividades e conhecimentos escoteiros (na época uma habilidade de mateiros e batedores do exército, com Primeiros Socorros, Orientação, Observação etc.), baseado em sua extensa experiência como um escoteiro para o Exército Britânico durante a Guerra Bôer na África do Sul.

Entusiasmado com os resultados, escreveu o livro "Escotismo para Rapazes".

O Movimento escoteiro começou em 1908 quando os jovens consumiram avidamente as edições de "Escotismo para Rapazes" - inicialmente editada em seis fascículos quinzenais - e organizaram-se em patrulhas para aprender e praticar os conhecimentos mateiros descritos no livro.

O Movimento cresceu rapidamente em pouco tempo haviam centenas de patrulhas praticando o Escotismo que se espalhou pelo mundo chegando ao Brasil em 1910 e em 1912 foi oficialmente organizado como "The Boy Scout Association" (Associação de Escoteiros) em toda a Comunidade Britânica por ato do Rei George V.

No Brasil, em 1910, trazido por suboficiais da Marinha que tomaram conhecimento do Movimento enquanto estavam na Inglaterra acompanhando a construção de navios para a esquadra brasileira.

Em 1924 foi criada a União dos Escoteiros do Brasil, reunindo as diversas associações nacionais até então existentes, a qual passou a ser a entidade diretora do Movimento escoteiro no país, sendo reconhecida de Utilidade Pública Federal pelo Decreto n.º 3.297 de 11/07/1917, reiterado pelo Decreto n.º 5.497 de 23/07/28 e como Instituição de Educação Extra Escolar e Órgão Máximo do Escotismo Brasileiro pelo Decreto Lei n.º 8.828 de 24/01/46.


QUAL É O PROPÓSITO DO ESCOTISMO?

O Propósito do Movimento Escoteiro é contribuir para que os jovens assumam seu próprio desenvolvimento, especialmente do caráter, ajudando-os a realizar suas plenas potencialidades físicas, intelectuais, sociais, afetivas e espirituais, como cidadãos responsáveis, participantes e úteis em suas comunidades, conforme definido no Projeto Educativo da União dos Escoteiros do Brasil.

Os Princípios do Escotismo são definidos na Promessa Escoteira, base moral que se ajusta aos progressivos graus de maturidade do indivíduo:

Dever para com Deus:

Adesão a princípios espirituais e vivência ou busca da religião que os expresse, respeitando as demais.

Dever para com o Próximo:

Lealdade ao nosso País, em harmonia com a promoção da paz, compreensão e cooperação local, nacional e internacional, exercitadas pela Fraternidade Escoteira. Participação no desenvolvimento da sociedade com reconhecimento e respeito à dignidade do homem e ao equilíbrio da Natureza.

Dever para Consigo Mesmo:

Responsabilidade pelo seu próprio desenvolvimento.


QUAIS SÃO AS MINHAS RESPONSABILIDADES COMO ESCOTEIRO?

Você apenas deverá se preocupar em desfrutar o que o Escotismo tem para você, assim você deverá fazer o "Melhor Possível!" para: tirar suas especialidades, que é uma forma de você adquirir um maior conhecimento sobre um determinado assunto, as especialidades estão divididas em 5 ramos de conhecimento, Ciência e Tecnologia, Cultura, Desportos, Serviços e Habilidades Escoteiras.

Algumas especialidades que você pode adquirir: acampador, astronimia, ciclismo, coleções, cozinheiro, eletrônica, informática, leitura, química, segurança, entre outras muitas que se encontram no Guia de Especialidades.

Ao adquirir uma especialidade você ganha um distintivo que você costura na manga do seu uniforme e indica que você é um Especialista em certa área. Ao adquirir habilidades em técnicas escoteiras e tirar as etapas para alcançar a Graduação máxima dentro do seu Ramo, as etapas estão divididas por Ramo e suas insígnias máximas são: no Ramo Lobinho: Lobinho Cruzeiro do Sul; No Ramo Escoteiro: Escoteiro Lis de Ouro; No Ramo Sênior: Escoteiro da Pátria; No Ramo Pioneiro: Insígnia de B.P;

Nós sabemos que ao se entrar no Movimento Escoteiro você terá além de todas as razões também o desejo de - aprender e divertir-se!


O QUE FAZ UM ESCOTEIRO?

Você que gosta de sentir a liberdade da natureza, andar em florestas, observar os animais, atravessar rios e cachoeiras; divertir-se nos jogos e brincadeiras ao ar livre com seus amigos, desafiando sua inteligência e habilidades; sentir o calor do sol e admirar um céu estrelado; montar sua barraca, preparar sua própria comida, construir coisas úteis para a sua vida no campo; ter amigos e ser um amigo verdadeiro, para juntos aproveitarem de forma útil e saudável a sua juventude, ... Encontrará no ESCOTISMO um programa que lhe abrirá as portas para estas aventuras e emoções.

Algumas atividades desenvolvidas pelos Escoteiros:

  • Reuniões de Sede, na sede os escoteiros aprendem jogos, habilidades e técnicas escoteiras, cerimônias, se preparam para as excursões, acampamentos e outras aventuras.

  • Excursões, onde os escoteiros podem visitar Museus, exposições, alguma outra cidade, um outro Grupo Escoteiro

  • Bivaques, que podem acontecer em uma cachoeira, em uma caverna ou em uma fazenda, onde entramos em contato com a Natureza e nos divertimos um pouco em atividades como mergulhos, explorações, rappel, escaladas e trilhas em uma mata.

  • Acampamentos, onde botamos emprática tudo aquilo que aprendemos na nossa Sede, como armar uma barraca, cozinhar nossa própria comida, montar pioneirias, participar de jogos, de atividades noturnas, de um Fogo de Conselho e de muitas outras coisas.

  • Atividades Comunitárias, onde ajudamos aqueles que precisão, seja reformando uma escola, recuperando as cadeiras de rodas de um hospital público, fazendo campanhas para arrecadar donativos para famílias carentes, visitando um asilo para levar um pouco de alegria aos velhinhos, entre outros.

  • Jornadas, jornadas são atividades onde temos que ir de um ponto à outro, fazemos isso à pé ou de bicicleta, normalmente por caminhos pouco visitados, como uma trilha na mata ou cruzando fazendas, durante essas caminhadas desenvolvemos atividades de orientação, de observação, de construção de mapas e de conhecimento da Natureza.

  • Atividades Nacionais e Mundiais, como os Jamborees Mundiais, que ocorre a cada 4 anos, onde escoteiros do mundo inteiro se encontram, Jamborees Nacionais, Panamericanos; Mutirões Nacionais Escoteiros, onde são desenvolvidas atividades comunitárias; o JOTI e JOTA, os Jamborees na Internet e no Ar, que ocorre em um final de semana por ano onde escoteiros de todo o mundo se encontram através da Internet e do Radioamador.


OS ESCOTEIROS FAZEM AS MESMAS COISAS NO MUNDO INTEIRO?

Os escoteiros de todo o mundo respeitam os mesmos princípios, mas adaptado as suas culturas e condições geográficas.


POR QUE AS ATIVIDADES AO AR LIVRE SÃO TÃO IMPORTANTES NO ESCOTISMO?

Jovens divertindo-se ao ar livre - caminhando, acampando, cantando em volta de um fogo de conselho - todas estas atividades e muitas outras mais são o que fazem o escotismo ser tão atrativo Enquanto jovem no escotismo, você é estimulado a desfrutar do ar livre sempre quando possível.

Você terá algumas de suas reuniões semanais ao ar livre e aproveitará do tempo frio no inverno e o calor do verão. Irá respirar ar fresco, ver a riqueza da natureza, experimentar a sensação de maravilhar-se e tirar as suas próprias conclusões sobre a importância da conservação ambiental. Irá explorar a Natureza, seguindo pegadas de animais e achando o seu próprio caminho na mata. Irá visitar reservas florestais, irá acampar.

Aprenderá que com alguma prática e uns poucos conhecimentos, você pode viver confortavelmente ao ar livre.


PRÁTICA RELIGIOSA?

O Escotismo respeita e estimula os jovens a buscarem ou participarem de uma religião, seja ela qual for, e não impõe determinada religião. Incentivando ainda, o jovem a seguir os preceitos que ela o apresenta.


Mais informações clique aqui: http://escoteiros.org.br/escotismo/index.php

Grupo Escoteiro Moacara

Rua Ludovico Cavinato, Parque da Festa da Uva
Bairro Santa Catarina - CEP 95032-620
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil
(54) 3207-1051