Caxias do Sul Rio Grande do Sul Brasil

Tropa Guia - Cambuim

HISTÓRIA DA TROPA GUIA CAMBUIM

Em 1991 foi fundada a Tropa Guia com apenas uma guia chamada Carla Sagaz da Silva. A tropa surgiu a fim de dar continuidade às atividades das escoteiras no ramo sênior, não como uma tropa mista, mas sim em uma tropa feminina, visto que o espaço da mulher já havia sido conquistado na tropa escoteira. Na época, as chefes eram Maria Tusset (antiga chefe das Bandeirantes) e Ana Festugato.

No início de 1992, outras quatro escoteiras começaram a Rota Sênior. Eram elas: Sara Voltolini, Camila Sachetto, Cristiane R. Griza e Andrelise Gavazzoni. Em agosto foi feita a primeira Investidura na sede do grupo, com características bem próprias, o que para nós é muito significativo. Desde o início, nossa Tropa sempre aceitou grandes desafios porque é assim que a chefia nos prepara para o mundo lá fora. Em um acampamento, depois de muitas sugestões, surgiu o nome perfeito para a tropa: CAMBUIM – árvore nativa abundante na região da serra, de folhas miúdas, flores e frutos delicados e de aparência frágil, porém muito forte. Tendo em vista que seus galhos se vergam, porém não se quebram, imediatamente identificou-se na sua força e flexibilidade a semelhança com a mulher e por isso, o nome da Tropa tem um significado muito importante. A primeira patrulha a ser fundada foi a Patrulha Amazonas. A palavra Amazonas tem duplo significado identificando a patrulha nas suas características mais marcantes: forte como o Rio Amazonas e batalhadora como as Amazonas. Seu símbolo é o Boto-cor-de-rosa e suas cores são verde e rosa. A segunda patrulha a ser fundada foi a Patrulha Carajás, que representa as riquezas interiores do ser. Seu nome é baseado no projeto Carajás, o qual descobriu a Serra dos Carajás cujo solo era rico em minerais. Suas cores são verde e amarelo e seu símbolo é um conjunto de ocas indígenas na floresta. A Patrulha Diamantina foi a terceira patrulha a ser fundada em uma época que a tropa possuía muitas guias. Suas cores eram vermelho, preto e branco. Seu símbolo era o diamante cujo brilho significava a luz interior de cada guia. O nome também faz referência à Chapada Diamantina. Hoje em dia as 3 patrulhas encontram-se em funcionamento.


GRITO DA TROPA GUIA CAMBUIM

E a Tropa Guia

Ataca, massacra, impõe seu valor;

não tem medo da morte luta sempre contra a dor,

nós somos ramo senior nosso lema é vibração estamos prontas para ação.

Oba

Tropa: Cambuim


PATRULHA DA TROPA GUIA CAMBUIM

Amazonas

Carajas

Diamantina

Grupo Escoteiro Moacara

Rua Ludovico Cavinato, Parque da Festa da Uva
Bairro Santa Catarina - CEP 95032-620
Caxias do Sul - Rio Grande do Sul - Brasil
(54) 3207-1051